sábado, 9 de agosto de 2008

Crónicas da República Bolivariana (IV)

Aporrea, Leis Habilitantes e Bolívia

Ontem, dia 08-08, entrevistámos Gonzalo Gomez, co-fundador do Aporrea.org, membro da corrente “marea socialista”, do PSUV e activista sindical. Na nossa conversa falámos do movimento sindical e de trabalhadores na Venezuela e sua relação com o poder, sobre o movimento popular venezuelano em geral e sobre como surgiu e o que é, de facto a Aporrea.
Mais do que um mero portal de notícias a Aporrea surgiu como uma central de coordenação de movimentos sociais e durante o “Paro Petrolero”(Lockout de final de 2002, que marcou tanto o processo como o golpe de 11 de Abril de 2002) foi a referência e central de informações para os movimentos progressistas e revolucionários Venezuelanos, uma vez que todos os canais televisivos estavam nas mãos da oposição ( o canal nacional/estatal não emitia em sinal aberto para todo o país).

Ficámos também a saber, segundo Gonzalo, que existem sindicalistas mortos e perseguidos por sicários a mando do patronato, nomeadamente no estado de Carabobo, dos estados mais industrializados da Venezuela, onde famílias donas da industria funcionam como verdadeiras máfias… A Revolução precisa de ir mais longe (nota do autor).

Depois da conversa fomos a uma assembleia de vozeros (representantes dos vários batalhões, que são a organização de base do Partido Socialista Unido Venezuelano) do PSUV da região de Caracas. Em cima da mesa esteve sobretudo a defesa das Leis Habilitantes, mas também a solidariedade com o governo da Bolívia, que no próximo domingo terá um teste de fogo com o referendo revogatório. Hoje, a partir das 10h vai haver uma concentração em defesa do pacote de 26 leis recentemente aprovadas e de seguida haverá uma marcha até à embaixada da Bolívia e será feita uma vigília aí, até Domingo à noite, fim da votação no referendo da Bolívia.


A televisão (os canais estatais, sobretudo a Vive e a Telesur) tem dado grande destaque ao referendo revogatório (que confirmará, ou não, a manutenção no cargo do Presidente Evo Morales e de 9 governadores das regiões), com notícias constantes e documentários acerca dos impressionantes movimentos populares que varreram a Bolívia nos últimos anos. Também têm-se realizado alguns eventos de solidariedade, por exemplo, na passada terça-feira houve na Praça Bolívar (onde estamos e centro revolucionário por excelência) uma série de actos culturais com danças e cantares de toda a
América-Latina, organizado pelo Partido Comunista da Venezuela em prol do governo de Evo Morales.

O pacote de 26 leis aprovadas recentemente, ainda em vigência do decreto que dá especiais poderes ao presidente para legislar, está a agitar as coisas. Hoje para além da manif “oficialista”, há também um protesto organizado pela oposição. Estas 26 leis incluem, reformas na administração pública, no exército (na formação que passará a ter uma componente ideológica, baseada nos pensamentos de Bolívar e na própria estrutura), para além disso também impõe um controlo do estado mais apertado sobre as empresas privadas, constringem o direito de propriedade privada e promovem a economia social e o sector estatal… Claro que é visível a fúria da burguesia(sobretudo no que concerne às questões da propriedade e económicas), expressa sobretudo, através dos canais de televisão marcadamente oposicionistas… No entanto têm um trunfo, grande parte destas leis reflectem artigos da alteração constitucional que foi chumbada no referendo de Dezembro do ano passado… As eleições de 23 de Novembro para governador vão funcionar, de facto, como novo referendo ao regime e ao avanço da Revolução, até lá a tensão social vai aumentar…

Depois espero dar notícias das manifes!

PS- Se todos os governos tivessem uns media tão críticos e activos talvez as coisas até funcionassem melhor… Bom, desde que também não chegassem ao ponto de orquestrar golpes de estado…

PS2- Hoje já começaram a chegar os Gringos, ou seja, a malta com a qual tenho uma visita programada de 9 a 19, o ritmo vai aumentar e vamos estar fora de Caracas na maior parte dos dias, por isso sou capaz de escrever menos…

2 comentários:

online gambling disse...

Interesting topics could give you more visitors to your site. So Keep up the good work.

lottery gambling disse...

It enables us to express our feelings and opinions.